Straddle – Por que não utilizar essa estratégia com opções?

E não é que o Inglês faturou uma graninha usando Straddle no Molusco’s day?

Sim, consegui tirar uma casquinha do momento.

straddle

No dia que ficou conhecido como Nine fingers’ day, resolvi apostar nas duas direções do mercado usando PETR4.

E para fazer tal aposta, utilizei a estratégia straddle, que consiste em comprar uma opção PUT e uma opção CALL.

Apesar de achar que o mercado já tinha precificado o evento (prisão do Lula), resolvi deixar meu achismo de lado e me posicionar para o que viesse.

Devido a incerteza, e claro, juízo, montei uma operação de uns 400 reais. Queria ver o que aconteceria, afinal era minha primeira vez com a estrutura.

Straddle na prática



Como citado acima, a estratégia straddle se resume a comprar tanto a opção de venda, quanto a de compra.

Ou seja, você irá comprar CALL e PUT. Geralmente essa estratégia é montada ATM, mas nada impede você montar com outros strikes (ITM, OTM).

A estratégia é montada dessa forma devido você não ter ideia do que vai acontecer com a ação alvo, mas acredita que suas ações vão se movimentar.

Pois o straddle dá resultado se a ação alvo cair bem, ou subir bem.

Por exemplo, se eu tivesse montado essa estratégia um dia antes de atualizar este texto (04/08/2020), estaria bem feliz. 😀

Afinal, enquanto atualizo este post a PETR4 subiu quase 7%!

Agora se o mercado ficar de lado (estável), subir pouco, cair pouco, o prejuízo é certo.

No post Por que NÃO usar opções?, cito que se você não sabe o que o fator tempo faz com as opções compradas, deve ficar de fora deste mercado.

Isso serve para essa estratégia também. Alias, para toda e qualquer compra de opções. Vou deixar o lembrete abaixo para você que pensa em utilizar o mercado de opções.

O tempo é inimigo do comprado em opções…

Livros para aprender sobre opções e como elas reagem ao tempo;

Como foi a operação no Molusco’s day?

Fiz a compra de CALL e PUT ATM de PETR4 dois dias antes do julgamento. Apesar das opções estarem bem gordas (caras), fiz mesmo assim.

Chegando o dia, comecei a acompanhar o mercado. No inicio a operação estava no zero a zero. Mas após uma hora de pregão, começou a se mostrar lucrativa.

Então comecei a fazer contas, tipo, 6% está bom? Hmm… 8%? Até que bateu em 11%.

Faltava um voto para encerrar o julgamento.

Pensei, se votar contra, meu lucro vai para o brejo. Se votar a favor, talvez não mude muita coisa…

Com esse pensamento encerrei a operação. E também apaguei a planilha para não ver quanto eu lucraria ou perderia com o voto final, pois como dizem;

Lucro bom é lucro no bolso!

E assim o fiz. Após o voto final a bolsa ganhou um folego e subiu mais. Talvez eu ganhasse mais se tivesse mantido a operação.

Vai saber…

Contudo, prefiro colocar o lucro no bolso e ir para a próxima. Hoje mesmo enquanto eu atualizo este texto, desmontei no lucro em uma operação com CALL de petro recebendo 0,34 centavos por opção.

Quando eu desmontei, petr4 estava por volta dos 4% de alta. Imagina quanto eu receberia se a desmontasse perto dos 7%?

Bom, quero nem saber!

Enfim, foi assim que eu faturei uma graninha no molusco’s day. É pouco, mas praticamente pagou uma maquininha de cartão de crédito que comprei e que hoje se encontra jogada em algum canto da casa.

Meu negócio na OLX não foi para frente e a máquininha ficou lá, sem uso.

Em quais cenários utilizar essa estratégia?

straddle

Como escrito mais acima, essa operação precisa de movimentação. Se montar e em um dia a ação alvo subir 2% e no outro cair ou ficar estável, tenho más noticias.

Sua operação corre para o lado do prejuízo.

Logo é interessante montar essa estratégia se;

  • Há muita expectativa ao redor de seu balanço
  • Algum evento extraordinário irá ocorrer com a empresa (COGN3 e o IPO da Vasta é um bom exemplo aqui.

Dessa forma, já dá para entender que é uma estratégia que exige mais de você. Conhecimento de mercado, tempo para operar…

Por que não uso mais o straddle comprado?

Simplesmente por ser vendedor de opções, haha!

Brincadeiras a parte, eu não utilizo mais essa estratégia devido a meu feeling ser horrível, hoje enquanto escrevo rolei meu prejuízo em COGNA, darei mais detalhes lá no canal do youtube.

Reconhecendo que sou fraco em surfar ondas, decidi não utilizar estratégias direcionais. (sim, errei ao montar operação em cogna, reconheço isso)

E straddle apesar de apostar nas duas pontas, é preciso acertar uma delas. Logo é capaz de eu montar esse treco e a ação ficar ali, parada, parada…

Contudo…

Venda de Straddle, esse sim! 😉

straddle vendido

Já que sou vendedor de opções, por que não vender straddle?

Geralmente nos livros por ai você aprende a comprar essa estratégia e ficar dependendo da velocidade da valorização/queda da ação alvo.

Pois lembre-se, quanto mais demorar para a ação andar, mais valor suas opções irão perder.

E essa perda de valor para o vendido é ótimo! Afinal, posso recomprar mais barato o que vendi.

Contudo, vai outra alerta;

A venda de um straddle nada mais é do que vender uma PUT e uma CALL, logo é preciso ter cobertura (garantia) para colocar em prática essa estratégia.

No caso você precisa ter a ação ou uma opção para poder vender a CALL, e dinheiro para vender a PUT.

Como esta operação exige mais conhecimento e disciplina do que a simples compra de straddle, vou ficando por aqui.

Ou você gostaria que eu compartilhasse mais sobre o que sei sobre a venda de straddle? Deixe seu comentário!

E não esqueça de ajudar o Investidor Inglês compartilhando este post em suas redes sociais, ok?

Pinterest


See ya!

0 0 vote
Article Rating

Subscribe
Notify of
4 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
1 mês atrás

Inglês virando o rei das opções haha!

(Ah, continuo não recebendo em meu email seus replies… vai entender…)

Abraço!

1 mês atrás

Eu fico só olhando o pessoal operar opções, eu acho muito arriscado pro investidor iniciante, apesar de eu já ter uma certa experiência, ainda prefiro ficar no básico.

Abraços!