Defender Venda Coberta Opção CALL/PUT

Opções PETR4, meu erro e defesas de venda coberta de PUT e CALL.

opções petr4, conhece?

Recentemente uns leitores vieram me perguntar como é que foi que o Investidor Inglês teve prejuízo ao vender as opções PUT da Petrobras.

Sendo assim, conto neste post;

  • O que fiz de errado na operação com as vendas de opções PUT e CALL;
  • Como defender uma estratégia com vendas de PUT e CALL;

Opções PETR4 e meu erro na venda de PUT

Dentre os muitos erros cometidos pelo Investidor Inglês em trades com opções, pois sim, já fiz vários e faz tempo que faço essa operação,

Ao reorganizar meu histórico, descobri que faço trades com opções desde 2015!

o meu maior foi com as vendas cobertas de PUT.



Lá em 2015, eu vendia todo mês PUT de petr4 sem conhecimento algum. E por sorte de iniciante, fui agraciado com lucro por uns bons meses.

O que eu fazia?

Eu vendia 1000 opções PUT ATM* de petr4 e antes do vencimento eu as recomprava e vendia as opções do mês seguinte.

A operação acima é bem conhecida no mercado de opções com o nome de Rolagem. Confira em meu video como funciona essa estratégia;

*ATM é uma opção com strike bem próximo da cotação da ação do dia. Ex: PETR4 cotada a R$ 22,00. Uma opção ATM é que tenha o strike próximo aos 22 reais

Opções PETR4 e meu prejuízo…

opções petr4

Fui fazendo a operação acima até o dia em que a PETR4 caiu muito abaixo do meu strike de venda, que na época era de 7 reais.

Como eu vendia 1000 opções, com PETR4 abaixo de 7 reais eu seria OBRIGADO a comprar 1000 PETR4 a 7 reais.

Quem vende PUT é obrigado a comprar a ação de acordo ao strike vendido!

Enquanto no mercado à vista ela estava abaixo dos 5 reais.

G1 – Ação da Petrobras cai abaixo de 5 reais. É hora de comprar?

Como a operação de rolagem estava saindo no prejuízo, vender a opção do mês seguinte não cobria comprar a opção do mês atual, eu deixei que o mercado me exercesse.

Logo aconteceu o seguinte;

  • Comprei 1000 PETR4 a 7 reais = 7 mil reais + custos
  • Cotação na época da PETR4 abaixo de 5 reais = +-2 mil de prejuízo teórico.

Assim, eu não vendi imediatamente as ações. Então você pode me questionar sobre esse prejuízo. Mas calma, eu chego lá.

Voltando, com as petr4 em carteira advinha o que veio a mente do investidor inglês?

Venda coberta com opções CALL da PETR4!

Pensei;

Vamos rentabilizar essas ações com a venda coberta de CALLs!

pobre Investidor Inglês

Até ai sem problema. Assim, tinha o problema que eu iria vender opções CALL abaixo do meu preço médio. Contudo, não dei muita atenção para isso.

Afinal, acreditei que petro ficaria estacionada abaixo dos 5 reais por um tempo. E assim eu iria ganhando o prêmio da venda + as rolagens e vida que segue.

Só que não.

Fiz a venda coberta usando opções CALL da petr4 e o que aconteceu em seguida?

PETR4 disparou!

opções petr4

Quando você faz venda coberta e vê a ação disparar, em certo ponto não há problema.

Desde que ela volte para próximo do strike vendido antes do vencimento!

E infelizmente, não foi o meu caso.

Fiz a venda em fevereiro de 2016 embolsando o prêmio do mês de Março no strike de 6 reais. Lembrando que meu preço médio era de pouco mais de 7 reais…

Entretanto, não demorou para petr4 ultrapassar os 7 reais. Para tentar amenizar meu prejuízo, rolei subindo o strike de Março para Abril a R$ 6,50.

Contudo a petro continuou subindo e o Investidor Inglês se viu exercido novamente amargando um prejuízo de quase mil reais.

Agora sim, prejuízo!

Digo quase pois não fiz a venda coberta integralmente. Apesar de ter em carteira 1000 petr4, fiz a venda de 900 opções.

Logo isso amenizou meu prejuízo, pois pude vender o lote restante ao preço de mercado.

Resumindo

  • Comprei 1000 petr4 a 7 reais cada devido a venda de PUT,
  • Vendi 900 CALLs de strike de R$ 6,00,
  • Paguei para rolar as 900 CALLs subindo o strike a R$6,50,
  • Exercido entregando as 900 PETR4 a 6,50 cada.
  • Venda das 100 PETR4 a preço de mercado.

Se não ficou claro esse meu trade, deixe seu comentário solicitando uma versão em video que eu providencio isso lá no Youtube.

Talvez falando seja mais claro. 😀

Erros na venda coberta de CALL e PUT? Aprenda a defende-las!

Depois do prejuízo relatado acima que levou embora o lucro de uns três a quatro meses de trades, resolvi ficar de fora do mercado.

Afinal, estava operando apenas com a sorte.

Esse é um erro grave. Mas não o único. Não saber o que fazer quando o mercado vai contra também é um erro!

Você monta a operação sabendo dos riscos e tal. Mas o que fazer caso ela fuja do seu alvo?

Aceitar o prejuízo e pronto, bora para a próxima?

Contudo, há formas de escapar da obrigação acima.

O que fazer para não ser exercido em opção PUT?

Começando pelas PUTs, você pode fazer o seguinte;

  • Role a opção para o mês seguinte (se der baixando o strike). Em opções com boa liquidez não é difícil a rolagem. Contudo, você irá pagar para rolar.
  • Para financiar a rolagem, você pode estudar a montagem de;
    • Trava de alta com PUT
    • Trava de baixa com CALL

Caso a ação tenha se distanciado muito de seu strike, tipo opção vendida no strike 30 e a ação caiu para 20 reais, eu conto como fazer a rolagem aqui.

Lembre-se que como toda operação, há riscos.

O que fazer para não ser exercido em opção CALL?

Nas CALLs você pode fazer o seguinte;

  • Rolar a opção subindo o strike.
  • Como a rolagem irá te custar, você pode estudar;
    • Vender uma PUT para financiar a subida de strike
    • Trava de alta com PUT
    • Trava de baixa com CALL

Lembrando que operações com PUT requer garantia sendo aconselhável apenas vender o que se consegue comprar.

Vendeu 100 opções PUT de strike 22. Tenha em garantia 2200 reais!

Esqueci de algo?

Você sabe o que são as travas com opções, certo?

Pinterest


See ya!

0 0 vote
Article Rating

Subscribe
Notify of
8 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
2 meses atrás

Fala Inglês!

Quando eu operava com opções, eu não focava muito nessa ou naquela operação não. Eu tinha uma planilha que contabilizava ganhos/prejuízos de cada operação e tinha um totalizador, que, por sua vez, era dividido pelo valor que eu tinha em renda variável para fornecer uma noção de qual o % de remuneração atingido.

Enfim, o que vale é o resultado acumulado de TODAS suas operações. Se vc ganhar mais do que perder, mesmo que seja uma relação próxima, a longo prazo é animador!

Abração!

Serj
1 mês atrás

Bom dia Inglês,
Estou estudando pra fazer algumas operações com opções e teoricamente fiquei animado, porém, parece que as corretoras gostam de dificultar nossa vida no Brasil…haha

Você faz as vendas de puts cobertas apenas?
Estava pensando em ficar vendendo travas com apenas 40% da grana e caso o negócio vá contra, basta rolar e abrir uma posição um pouquinho maior.

Abç

Serj
1 mês atrás

Tenho minhas dúvidas quanto essa política com puts, pois já exigem 100% de garantia. Então, teoricamente, o risco maior é operando calls, já que o preço da ação pode subir ilimitadamente, enquanto não pode ficar abaixo de zero. Como pretendo operar mais OTM, os spreads ficam curtos, não quero que o spread entre strikes seja grande também. Acho que a proporção de 1:3 é boa. Se você lucrar R$1 para cada trava com spread entre strikes de R$3, vai ficar dependendo apenas do percentual de acerto. Então, se ocorrer algum movimento mais forte contra você e precisar realizar uma rolagem,… Read more »

Serj
1 mês atrás

Quis dizer que uma trava precisa ter a proporção 3:1 no mínimo. Se a diferença entre strikes é de R$1, você precisa receber pelo menos R$0,33 no caso das OTM, onde vc vai ter um percentual de sucesso maior. Por exemplo, PETRV216 com strike em R$21,78 fechou a R$0,88, mas a R$20,78 fechou em R$0,60. Isto te daria só R$0,28. Agora a PETRV210, com strike em R$21,03 fechou em R$0,76, e a R$20,03 em R$0,42, que te daria R$0,34 Mas se o teu sexto sentido diz que a petro pode desabar, aí você pode fazer ajustes realizando compras assimétricas. Vendeu… Read more »