Livro “A revolução dos bichos” – Resumo

Vamos a um breve resumo do livro A revolução dos bichos…

Continuando com a leitura de livros clássicos, terminei a leitura deste livro curtinho e empolgante.

Confesso não ser fã de obras envolvendo animais. Mas, dentre as exceções, o livro A revolução dos bichos conquistou seu espaço.

Você saberá o motivo mais adiante…

Breve resumo de A revolução dos bichos…

a revolução dos bichos resumo

Neste breve resumo de A Revolução dos Bichos, já te adianto que este livro é sobre poder.

Imagine um povo oprimido que consegue derrubar seu líder assumindo o poder?

Neste clássico de George Orwell, os bichos de uma fazenda conseguem assumi-la expulsando seu dono.

No caso, dono Sr Jones.

Após algumas reuniões com um porco tido como “profeta”, se me permitem chamá-lo assim, os animais se encorajam e enfrentam o dono da fazenda expulsando-o.

Com a fazenda só pra eles, começam a orquestrar como tomariam conta do lugar. E é aqui que entra a questão poder, contada parágrafos atrás.

Os porcos, mais inteligentes, aprendem a ler e escrever. Dessa forma, passam a administrar a fazenda.

Temos como lideres o porco Bola de Neve, e o porco Napoleão.

De inicio, tudo pareceu correr bem.

Todos os animais devem ser tratados em igualdade. Porém, “uns são mais iguais que outros”.

São criados vários “mandamentos” (7 ao todo), com dizeres simples e direto como “quatro patas bom, duas patas ruim”.

Enquanto administram a fazenda, é notório uma discordância entre Bola de Neve e Napoleão.

Isso fica mais evidente após Bola de Neve apresentar um projeto que mudaria a vida da fazenda.

Napoleão não concorda com ele.

Contudo, boa parte dos animais gostaram do projeto apresentado por Bola de Neve.

Dessa forma, após uma reviravolta na história, onde Napoleão arma um plano para derrubar e expulsar Bola de Neve, pois o mesmo tinha mais prestigio frente aos animais do que ele, Napoleão após um tempo começa a ressuscitar a ideia do tal projeto.

Projeto que inicialmente ele era contra.

Assim, progressivamente a revolução orquestrada lá no inicio pelo porcão profeta, começa lentamente a ficar mais tirânica do que quando era a vida tendo Sr Jones como dono.

Vou parando por aqui, pois esse livro é tão curtinho que um breve resumo pode não apenas resumi-lo, e sim contá-lo por inteiro.

Se está a procura de um livro para o final de semana, compre neste link (comprando por aqui você ajuda o Investidor Inglês) e aprecie esta bela fábula.

De tão curto, é capaz de você lê-lo duas vezes de tão boa que é sua história. Afinal, este livro não lhe tomará mais que duas/três horas…

Leia-o e depois volte aqui para comentar sobre o Poderoso Porcão…

Te incentivo a fazer o mesmo com o livro que resumi semanas atrás, A morte de Ivan Ilitch.

Já leu?

Conte nos comentários! Também aceito sugestões de leitura.

See ya!

5 1 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
3 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
3 dias atrás

Olá Inglês, tudo beleza? Gosto bastante desse livro da revolução dos bichos. Ela têm uma das frases mais emblemáticas que já escutei, a mesma que você colocou no seu texto: “Todos os bichos são iguais, mas alguns são mais iguais que outros” Mostra que, mesmo se tentarmos a igualdade de todos, alguns sempre tentarão ser melhores que os outros, o que me leva a reflexão da possibilidade factível de algum dia a igualdade que imaginam existir. Talvez a desigualdade seja inerente ao ser humano, vai saber. Gosto bastante dos posts sobre opções, não tenho muito conhecimento prático do assunto, mas… Read more »

2 dias atrás

Acho que faltou dizer que “Revolução dos Bichos” é uma alegoria da URSS. Na minha opinião, é uma obra literariamente mais fraca justamente porque nem tenta explorar as possibilidades de múltiplos significados que a metáfora permite, é só uma transplante da URSS da época para uma fazenda inglesa, ao menos segundo a visão dos críticos de esquerda. Até os personagens, quase todos, são versões de pessoas reais. Dos principais: o Major é Marx (com alguma coisa de Lênin), Napoleão é Stálin e Bola de Neve é Trotsky. Até os personagens secundários são figuras políticas bastante conhecidas na época. George Orwell… Read more »