Vender meu carro ou refinancia-lo? #oquevcfaria

E ai, vender meu carro ou refinancia-lo?

Voltando a escrever neste espaço há tempos abandonado, volto com uma dúvida pertinente de um “amigo”.

Conto com você nessa para encontrarmos a melhor solução.

Vou abordar o tema abaixo e espero seu comentário com o que você faria para solucionar o “case”.

Vender meu carro ou refinancia-lo? Qual a melhor solução?

vender meu carro ou refinancia-lo?

Digamos que você acabou de financiar um imóvel e precisa comprar praticamente todos os móveis para a nova casa.

Mas está com o orçamento no limite. Logo comprar os móveis em prestações não parece ser uma boa ideia, já que a grana está contada e novas dividas tornariam o mês a mês um sufoco.

Logo te veio a ideia:

Vender o carro!

De posse de um veiculo cujo valor é de 20 mil reais, surgiu a ideia de vendê-lo e:

  • Com metade do valor compro os móveis para a casa
  • Com a outra metade compro um carro mais velho

Hmm, será essa uma boa ideia?

Vejo como prós a questão de não aumentar as despesas mensais, que segundo, já estão altas.

Agora em se tratando do fator contra, o carro mais antigo pode ser um problema. Afinal, quem garante suas manutenções?

Logo essa opção pode acabar ocasionando futuras despesas, apertando o já apertado orçamento mensal.

Em uma conversa informal com um amigo, ele ouve atentamente e te sugere:

Por que não, refinanciar?

Mesmo ouvindo atentamente que você não está disposto a aumentar suas despesas mensais, seu amigo argumenta que:

  • Trocar um carro por um mais velho pode ocasionar mais problemas (verdade)
  • Com o carro quitado em mãos, ele consegue um empréstimo usando o carro como garantia (verdade)

Seu amigo talvez more em Nárnia. Mas confesso que se olhar em sua volta, não são poucos que recorrem a empréstimos em nosso pais.

Mesmo sabendo que será altamente abusado pela nossa taxa de juros.

Eu, sinceramente, não consigo enxergar um refinanciamento como solução nesse caso. Mas há quem enxergue.

Você optaria por um refinanciamento?

E ai, vender ou refinanciar?

Bom, está fácil decidir qual das duas opções seguir não?

Talvez vender e não comprar carro algum, investindo a metade da venda seja a melhor solução.

Contudo, mesmo sendo racional, o argumento acima nem sempre é válido. Vai depender muito da cidade em que mora e das suas necessidades.

Logo a única coisa que consigo cravar mesmo é que os 5 mil reais brutos talvez não sejam um bom salário no Brasil

See ya!

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of

9 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Vinicius
1 ano atrás

Um carro de 20k deve ser antigo que acredito nem ser aceito para empréstimo com garantia, não que isso fosse uma boa alternativa.

O problema do amigo começou ao descapitalizar-se por afobação de financiar o imóvel logo. Torrou a reserva de emergência também?

Mas estando nessa situação eu iria comprando só o mínimo viável de móveis para quebrar o galho, aos poucos, usados quando encontrar, ou comprar em lojas populares parcelado no cartão sem juros, enquanto couber no orçamento.

Amortizar o financiamento tão logo possível.

Robson
1 ano atrás

Se tem carro, é pq precisa dele. Entao vender e reinvestir vai fazer no curto prazo comprar um novo carro.

Seleciona os principais móveis e vai comprando no passar dos móveis e tentar cortar algum custo temporario casonqueira agilizar.

Financiar vai ser so para se enrolar no futuro.

1 ano atrás

Olá, essa me parece ser uma situação bastante comum, quase todas as obras acabam ultrapassando o orçamento inicial, e no final falta dinheiro pra terminar. Eu no caso dele, ficaria com o carro velho… ou trocaria por um mais barato pra receber dinheiro de volta, não faz sentido querer um carro mais caro se já não tem dinheiro. Esse cidadão vai ter que pegar um empréstimo, seja na forma de comprar no cartão parcelado com juros, ou no banco mesmo. E se já tem as finanças apertadas, vai ter que trabalhar fora de hora em alguma coisa pra ter renda… Read more »

Longe do Limite
1 ano atrás

Bom dia, II! Numa situação de orçamento apertado como a descrita, onde financiar todos os móveis desejados seria uma opção tão ruim que foi, de pronto, descartada, não vejo como opção o financiamento do veículo. No fim e ao cabo, é uma despesa a mais num orçamento já apertado. Por outro lado, trocar de veículo só seria uma opção viável caso não exista transporte público, táxi ou carro de aplicativo para substituí-lo onde esta pessoa reside, até o aperto diminuir. Uma terceira opção, e essa me parece mais viável, é a pessoa rever a lista de desejos da nova moradia,… Read more »

VVI
1 ano atrás

Bom dia Inglês! Quanto mais tempo passa, mais eu penso que complicar as coisas dificilmente gera um resultado positivo no final. O segredo dos investimentos e também da vida é manter as coisas simples. Sempre na minha vida quando tentei fazer alguma jogada mais complexa pensando em ganhar 1% a mais que a alternativa tradicional me arrependi…por isso acho que jogadas como essa não compensam no final… Tem muita chance de perder o controle…Grande abraço!