MDIA3 Resultado 1T19: Que que aconteceu com a fabricante de biscoitos?

Na sexta-feira, uma ação da minha carteira divulgou seu balanço referente aos resultados do primeiro trimestre de 2019. Você pode ver no blog os resultados de Magazine Luiza, Petrobras, Locamerica x Movida, EGIE3, TEND3 entre outras aqui no blog!

E essa ação é de uma empresa fabricante de biscoitos, chamada –  M. Dias Branco (MDIA3).



Logo, vamos verificar seu resultado. Follow me!


MDIA3: 1T19

Ao abrir o balanço referente ao 1T19 da MDIA3, vamos direto para a Demonstração do Resultado nas DFs ConsolidadasOK?

Nesta página temos uma visão de como anda sua produtividade. Para isso, basta montar sua margem bruta.

Logo temos;

  • 1T2019: 34,38%
  • 1T2018: 38,14%

Apesar da receita líquida ter subido quase 100 milhões, os custos aumentaram conforme você pode ver na Demonstração de Resultado – Custo dos Bens ou Serviços Vendidos. 

E isso fez com que sua margem caísse.

Depois de vermos essa queda na produtividade, vejamos como se saiu seu lucro operacional. Para isso, anote os valores do Resultado Antes do Resultado Financeiro e dos Tributos, também conhecido como EBIT.

Depois desça a página até encontrar o Demonstrativo de Fluxo de caixa. Nela anote os valores de Depreciação e amortização.

Some-os e você chegará no EBITDA.

Se seguiu os passos acima, percebeu que o EBITDA da nossa fabricante de biscoitos MDIA3 caiu na comparação. Agora para chegarmos no lucro operacional, você pega o EBITDA e divide pela receita liquida.

Logo temos uma variação negativa de quase 7% na comparação entre os trimestres.

E quanto a geração de caixa da M. Dias Branco?

Vamos ver como se saiu o indicador FCL CAPEX, cara que nos mostra o quanto a empresa gerou de dinheiro após descontado o investimento em imobilizado e intangível.

Para chegar neste indicador, você precisa ir até a página Demonstração do Fluxo de Caixa. Anote os valores do Caixa Líquido Atividades Operacionais e Aquisição de imobilizado e intangível.

Voltando, com os valores anotados, basta soma-los e chegaremos ao FCL CAPEX. O da MDIA3 ficou assim;

  • 1T19: 137.634
  • 1T18: 225.547

Logo nossa fabricante de biscoitos e massa gerou menos dinheiro na comparação entre os trimestres.

Agora vamos até o Balanço Patrimonial Ativo ver como anda o caixa da empresa. Nesta página, observe que o caixa da MDIA3 subiu na comparação com o quarto trimestre do ano passado.

E quanto a sua dívida?

Vejamos.

Endividamento

Na página Balanço Patrimonial Passivo, temos uma noção das dívidas da empresa. E isso se dá através dos Empréstimos e Financiamentos.

Some-os e chegará na dívida bruta da empresa. Para chegar na dívida líquida, basta subtrair a divida bruta da soma entre caixa e aplicações financeiras vistas no balanço patrimonial ativo.

Se seguiu os passos até aqui, notou que a divida bruta da MDIA3 deu uma leve subida. Para não dizer que está estável. Já sua divida liquida caiu um pouco devido o acréscimo do caixa.

Conclusão

Nessa visão rápida do balanço da MDIA3, observamos que a empresa perdeu produtividade, o EBITDA caiu, receita liquida cresceu mas devido os custos, a margem do lucro operacional deu uma caída significativa.

E isso que já está incorporado os resultados da Piraquê.

É meus caros, o que será que aconteceu com a MDIA3? No release disseram que impactou o baixo volume de vendas e o aumento do trigo.

E infelizmente para reverter esse quadro, a empresa no release diz que a redução no quadro de colaboradores através de desligamentos e demissão voluntária será uma das medidas.

Não custa lembrar que isso é apenas um estudo inicial, passando longe de ser recomendação de compra/venda!

Postei na sexta-feita um estudo mostrando o porquê você deve diversificar sua carteira de ações. Já conferiu? Caso não, veja meu estudo aqui.

See ya!


8 thoughts to “MDIA3 Resultado 1T19: Que que aconteceu com a fabricante de biscoitos?”

  1. Então, eu comecei a estudar essa empresa tem pouco tempo. Só que quanto mais eu leio mais eu gosto da empresa. O trigo é oriundo de grande parte do exterior e o dolar na casa do cacete realmente aumenta os custos..mas a empresa tem dívida baixa, é antiga (o que mostra resiliência), gera volume alto de caixa, tem projetos sustentáveis… ou seja, muita coisa que gera valor pra mim. E pelo que olhei em relação a preço ela atingiu uma baixa.. estou muito tentado a pegar uma posição nela. Única coisa que me deixa com pé atrás é que os dividendos são baixos (1%) e não sei ela tem como aumentar muito mais o marketshare ou se as aquisições tipo piraque vão ser recorrentes para atingir esse objetivo.

    1. Olá Dividendos,

      Sobre o marketshare, acredito que a MDIA3 ainda tem o que explorar. A compra da Piraquê foi justamente para aumentar sua participação em SP. Se não estou enganado, o forte da empresa é o Nordeste. Logo seus esforços estão em expandir a marca a nível Brasil.

      E olha que interessante, a Piraquê já a ajudou neste trimestre, pois sem ela, o baque seria bem maior.

      Bom, os pontos acima explicam o baixo dividendo da empresa. Por ora essa geração de caixa vai ser usado para expansão.

      Vamos acompanhando.

  2. Investidor Inglês,

    Gostei da sua análise.
    Assim como outras empresas, em algum momento a M. Dias Branco precisará se reinventar, pois o mercado de produtos mais naturais cresce a cada ano. Apesar do portfólio da empresa ser grande, há muitos mercados a explorar e aquisições a fazer.
    De qualquer forma, considero uma boa e admirável empresa.

    Boa semana,
    Simplicidade e Harmonia

    1. Olá Rosana,

      O mercado de produtos naturais é algo que acredito entrar no radar da empresa logo logo. E verdade, tem muito ainda o que explorar.

      Apesar de não ter gostado deste resultado, também gosto da empresa.

      Boa semana

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.