BRKM5: Análise Fundamentalista e não olhe para o Lucro Líquido!

Vamos para mais uma análise fundamentalista. Assim a bola da vez é a Braskem (BRKM5).

Contudo, ao invés de trazer a mesma análise dos últimos estudos, a ideia é mostrar o porquê você não deve levar o lucro líquido tão a sério.

E a Braskem irá nos ajudar a entender isso.

BRKM5 Análise Fundamentalista: Não dê tanta atenção ao Lucro Líquido!



Claro que devemos nos atentar ao lucro líquido das empresas. Mas as vezes ele pode esconder algo de nós caso não se observe a empresa mais atentamente.

O Investidor Inglês já cometeu o erro de ignorar completamente de suas análises empresas que registraram lucro líquido negativo, ou seja, prejuízo.

Entretanto, apresentar prejuízo pode ter sido meramente uma questão contábil. Vejamos o quadro abaixo;

BRKM5 Análise fundamentalista

Note que a Braskem apresentou prejuízo em 2016. Só este fato já fazia com que eu parasse a analise por aqui e fosse procurar outra ação.

Mas será que a empresa realmente teve prejuízo?

Isso descobrimos olhando para o Demonstrativo de Fluxo de Caixa. Para ver este caso, vá até a…

Após isso irá abrir um pop-up com o balanço de 2017 e 2016 da BRKM5.

Maximize a janela e observará que estamos na tela Demonstração do Resultado. Mude para Demonstração do Fluxo de Caixa.

Nesta tela, o primeiro item é – Caixa Líquido Atividades Operacionais. Esse item é o que chamamos de Fluxo de Caixa Operacional (FCO), ou seja, é…

…o quanto a empresa gerou de caixa (dinheiro) em suas operações menos as despesas e gastos decorrentes da industrialização, comercialização ou prestação de serviços da empresa.

Depois da breve explicação, veja que em 2016, ano de prejuízo da empresa, a Braskem gerou quase 4 bilhões e meio de reais.

Contudo, observando apenas este item, não sabemos o quanto entrou de dinheiro na empresa. Para saber isso, desça a tela até encontrar – Caixa Líquido Atividades de Investimento.

Agora pegue o valor do Caixa Líquido Atividades Operacionais e subtraia com o valor do Caixa Líquido Atividades de Investimento. Com isso, temos nosso Fluxo de Caixa Livre.

Se o valor for positivo, mostra que sobrou dinheiro depois de descontar os investimentos da empresa.

Logo é neste item que verificamos a saúde financeira da empresa. E no caso da Braskem, se você fez as contas notou que entrou em seu caixa míseros 1.905.418 bilhões de reais.

Quase 2 bi!

Claro que isso por si só não quer dizer que a empresa seja boa. Mas acaba com essa questão de;

Ah, a empresa não lucrou então ela não presta!

Esqueça isso. As vezes perdemos oportunidades por acabar dando atenção a um mero número contábil.

Agora vamos seguir com a análise fundamentalista da BRKM5.

Produtividade

Voltando ao quadro, através da margem bruta conseguimos saber como anda a produtividade da empresa.

Pois segundo o livro – Investindo para Vencer, a margem bruta mostra a produtividade operacional da fabricação do produto da empresa, desde a entrada da matéria prima até a saída do produto final.

E no caso da Braskem, ela deu uma bela caída em 2018.

Ainda no quadro, podemos ver seu lucro operacional através da margem EBITDA.

Novamente, queda.

Geração de caixa

Aqui um ponto interessante. Em 2018, a BRKM5 apresentou um lucro líquido de quase 3 bilhões. E sabe quanto a empresa gerou de caixa?

9.2 bi!  

No período que analisei (2014 à 2018), foi o recorde da empresa. Veja que ao olharmos apenas para o lucro líquido, ignoramos o que realmente a empresa está fazendo.

Porém, a Braskem precisa de muita grana para seu negócio girar. O Capex, que é a soma dos investimentos em máquinas, mobilia, sistemas e etc, ultimamente vem girando na casa dos 2 bilhões e meio.

Dai você pega o Fluxo de Caixa de Financiamento (FCF), que são os pagamentos dos empréstimos de curto prazo e dividendos, temos a quantia de 4.6 bi.

Se eu não estiver enganado, somando o Capex com o  FCF e subtraindo com o FCO, temos o que de fato ficou na empresa (ou não).

No caso da Braskem, em 2018 sobrou 1.9 bilhões que se eu não estiver errado, é a quantia que está em seu caixa.

Confira abaixo;

brkm5 análise fundamentalista

Será que estou certo?

Prosseguindo com a geração de caixa da empresa, em 2018 seus números melhoraram, principalmente o FCL Capex, que é a quantidade de dinheiro gerado pela empresa após desconto dos investimentos utilizados para expandir seus ativos, imobilizado e intangível.

Para encontrar esse indicador, você pega o FCO e subtrai pelo Capex. E esse cara na BRKM5 em 2018 apresentou a quantia de;

6.5 bi!

Veja como ficou no gráfico;

brkm5 gráfico

Endividamento

Este ponto eu costumava verificar no site do Bastter. Mas ele retirou do quadro o indicador que verificava. Agora para não assinantes aparece apenas a dívida líquida.

Já é alguma coisa. Mas graças a planilha que o Aportador Financeiro disponibilizou, consigo muito mais dados.

BRKM5 endividamento

Depois da explosão da Dívida bruta/PL em 2015, a Braskem conseguiu reduzir bem este indicador nos anos seguintes. Já a Divida liquida/EBITDA, segue estável.

E por último temos a liquidez corrente, que no período analisado sempre esteve próximo de 1. Caso não saiba, a liquidez corrente diz o seguinte,

  • Se for maior que 1, mostra que a empresa consegue pagar suas dívidas de curto prazo. 
  • Menor que 1 indica que a empresa pode ter problemas caso todas suas dívidas de curto prazo sejam cobradas.

Resumo da Análise Fundamentalista da BRKM5

Em resumo, a análise fundamentalista da BRKM5 nos mostra que ela é uma empresa interessante, mas para poucos.

Sobretudo acredito que para ter a ação BRKM5 em carteira, o investidor precisa entender que esta empresa gira através de dívida, bastante dívida.

E tem uma produtividade irregular. Certeza que isso impactou seu lucro líquido de 2018.

Sem contar num item que não comentei, a governança. E por falar nela, suas ações andam caindo devido a essa noticia aqui;

Braskem lidera perdas do Ibovespa após pedido de bloqueio de R$ 6,7 bilhões

Tudo bem que a justiça aliviou bem conforme noticia abaixo;

Justiça de AL determina bloqueio de R$ 100 milhões das contas da Braskem

Bom, espero que você assim como eu pare de pular a análise de empresas apenas por elas não apresentarem lucro líquido.

Se você já analisou essa empresa e observou alguma besteira minha no texto, agradeço muito a correção. Afinal, além de investidor amador sou iniciante nesse mundo de análise fundamentalista.

Portanto, caso queira estudar ações assim como o Investidor Inglês, abaixo uma dica de livro;

Quanto ao livro, recomendo e muito sua leitura!

Compre através do link acima ou clicando na imagem e ajude o Investidor Inglês com algumas balas. 😁😁😁


Análises recentes do Investidor Inglês,

See ya!


2 comentários em “BRKM5: Análise Fundamentalista e não olhe para o Lucro Líquido!”

Deixe um comentário